Saber quais são os bairros mais seguros de São Paulo é requisito fundamental para quem está procurando um lugar para morar na cidade. Afinal de contas, estamos falando de uma metrópole na qual 76% dos moradores se sentem inseguros em suas vizinhanças, de acordo com pesquisa da Rede Nossa SP em parceria com o Ibope Inteligência.

Escapar da violência das grandes cidades não é fácil, mas a capital paulista apresenta opções interessantes para quem prioriza a segurança. E, com base em indicadores de segurança pública, falaremos aqui dos dez bairros mais seguros para você e sua família.

Esses são os bairros mais seguros de São Paulo:

  1. Cambuci
  2. Vila Diva
  3. Parque da Mooca
  4. Vila Carrão
  5. Vila Clementino
  6. Vila Matilde
  7. Vila Mariana
  8. Campo Belo
  9. Monções
  10. Jabaquara

Esse ranking é resultado do Índice de Exposição a Crimes Violentos (IECV), elaborado pelo Instituto Sou da Paz em 2018. Para saber mais sobre cada um desses bairros, leia o post até o final.

Conheça os 10 bairros mais seguros de São Paulo

Antes de começar a falar dos bairros, vale lembrar que o Sou da Paz é uma das maiores referências em segurança pública no Brasil. Em relação ao IECV, a organização não-governamental calcula esse índice partir da média de três subíndices: crimes letais, crimes contra a dignidade sexual e crimes contra o patrimônio.

Os dados usados são da Secretaria de Segurança Pública de São Paulo, do IBGE e do Núcleo de Estudos da Violência da USP. Sabendo que podemos confiar nas fontes que embasaram o ranking, é hora de nos debruçarmos sobre os bairros mais seguros de São Paulo.

1. Cambuci

O primeiro colocado é o Cambuci, um dos bairros mais antigos da cidade, fundado no século XVI. Por estar perto do Centro, suas ruas são muito movimentadas durante o dia e bem iluminadas durante a noite, o que ajuda a região a se destacar no quesito segurança e em lançamentos de novos empreendimentos imobiliários.

Mesmo sendo predominantemente residencial, o Cambuci conta com uma excelente estrutura de transporte que o conecta com áreas importantes. Como opções de lazer, seus moradores podem aproveitar a proximidade com o Parque da Aclimação e sua área de 112 mil metros quadrados com atividades para pessoas de todas as idades.

2. Vila Diva

Parte do distrito de Água Rasa, a Vila Diva é outro bairro próximo ao Centro muito bem posicionado no ranking. Além dos bons índices de seguranças, a região possui também uma infraestrutura completa em serviços de educação e saúde.

Graças às melhorias na mobilidade urbana da região, com a futura inauguração da estação Água Rasa, a tendência é que a Vila Diva continue alcançando boas posições entre os bairros mais seguros de São Paulo.

3. Parque da Mooca

Localizado no distrito da Mooca, o Parque da Mooca é considerado um oásis de tranquilidade na correria de São Paulo. Em 2011, por exemplo, sua delegacia foi a única a não registrar nenhum homicídio durante todo o ano.

Além da segurança, o bairro dispõe de uma infraestrutura de serviços completa, opções de lazer e boa conexão com o resto da cidade. E os apreciadores da culinária italiana não terão do que reclamar depois de conhecer a oferta de restaurantes da região.

4. Vila Carrão

Um dos bairros mais disputados da Zona Leste, a Vila Carrão tem ares de cidade do interior e essa tranquilidade parece se refletir nos indicadores de segurança. Seus moradores também se orgulham do seu forte senso de comunidade, que é percebido pela forma como a vizinhança cuida das praças e ruas e por como os vizinhos se conhecem.

O bairro tem passado por um processo de desenvolvimento imobiliário rápido e ganhado muitos empreendimentos nos últimos anos. Além da facilidade de acesso e da infraestrutura completa, a Vila Carrão é conhecida também pela influência das culturas portuguesa e japonesa, o que é garantia de uma ótima variedade de restaurantes.

5. Vila Clementino

Um dos destaques da área nobre da Zona Sul da capital paulista, a Vila Clementino tem uma localização privilegiada e é ideal para quem quer morar perto de tudo. O bairro tem comércios, hospitais, escolas e universidades e, além disso, fica a apenas dois quilômetros do Parque do Ibirapuera.

Outro ponto positivo de morar no bairro é a segurança no local. Muito por conta da localização e de estar repleto de empreendimentos de alto padrão, seus moradores contam com policiamento dia e noite, além da segurança privada dos condomínios.

6. Vila Matilde

A região da Vila Matilde é conhecida por ter mais de 100 praças arborizadas. Além disso, esse bairro residencial da Zona Leste está rodeado por parques, que trazem uma sensação de sossego para as ruas e também são ideais para passeios, pedaladas e outras atividades físicas.

O bairro ainda dispõe de todos os serviços essenciais no dia a dia, como supermercados, bancos, padarias e lojas. Outra característica marcante é que a região ainda é pouco verticalizada, com os grandes empreendimentos imobiliários ainda misturados com casas tradicionais.

7. Vila Mariana

Presença constante nos levantamentos de bairros mais seguros de São Paulo, a Vila Mariana tem o privilégio de contar com policiamento ostensivo e câmeras de monitoramento espalhadas por toda a região. Toda essa proteção permite que seus moradores andem tranquilos pelas ruas e aproveitem sua oferta gastronômica e suas opções de lazer.

Quem mora na Vila Mariana tem escolas, universidades, hospitais, supermercados, padarias e lojas de todos os tipos bem pertinho de casa. Além disso, o bairro tem o Parque do Ibirapuera e suas pistas de corrida e áreas verdes, assim como seus museus e espaços para shows e apresentações.

8. Campo Belo

Localizado na Zona Sul de São Paulo, o Campo Belo tem duas facetas: durante os dias de semana é uma região agitada, cercada por pólos empresariais e comerciais, enquanto no sábado e domingo se transforma em um bairro pacato rodeado por áreas verdes. O fator comum nesses dois momentos é a sensação de segurança.

Passear e andar de bicicleta pelas ruas tranquilas do bairro durante os finais de semana é um dos programas preferidos dos moradores. Além disso, o Campo Belo também tem supermercados, bancos, farmácias e todo o tipo de comércio que eles precisam no dia a dia.

9. Monções

Além de figurar na lista de bairros mais seguros, a Cidade Monções tem atraído cada vez mais moradores por reunir várias características de São Paulo. Considerada parte do Brooklin Novo, a região é conhecida por sua modernidade, multiculturalidade e ótima gastronomia.

A Cidade Monções é cruzada pela famosa avenida Berrini, centro comercial e empresarial repleto de prédios espelhados que lhe garantem um visual único. Além disso, o bairro está localizado ao lado de um dos cartões postais da capital, a ponte estaiada Octávio Frias de Oliveira.

10. Jabaquara

O Jabaquara possui o segundo maior terminal rodoviário de São Paulo e, além disso, é atendido por três estações do metrô. A poucas quadras de uma delas, há uma delegacia de tamanho razoável e é comum ver várias patrulhas policiais na região.

Além de se destacar nos quesitos segurança e mobilidade, o bairro tem infraestrutura completa com escolas, comércios e opções de lazer. Outras vantagens são sua boa localização na Zona Sul e as opções bem abrangentes de imóveis à venda e para alugar.

Encontre seu imóvel nos bairros mais seguros de São Paulo na Kzas

Após conhecer os bairros mais seguros de São Paulo ficou mais fácil decidir onde morar, não é? Você pode sempre contar com a Kzas se precisar de orientação sobre como escolher um bairro para morar.

Além disso, nosso time de especialistas está preparado para te oferecer assessoria completa no processo de compra do imóvel e em todas as etapas do processo de tomada de decisão. A plataforma é tão prática e segura que você conseguirá comprar um imóvel sem sair de casa

E nossos serviços vão além do modelo atual dos sites imobiliários. Isso porque, depois que você fizer sua escolha, estaremos ao seu lado para ajudar a tramitar todos os documentos necessários para a compra de imóvel.

Se ainda tiver alguma dúvida sobre como a Kzas pode te ajudar, use nossa seção de comentários para entrar em contato ou fale com os nossos especialistas. E não se esqueça de nos acompanhar também pelas redes sociais: LinkedIn, Instagram e Facebook.